A minha vida de camponês

vida no campo (2)

Se eu vivesse no século XIX e fosse um camponês, viveria numa casa com uma só divisão juntamente com a minha numerosa família. Seriamos pobres. Uma vez por semana, a minha mãe  iria ao forno da aldeia cozer o pão que racionava  muito bem durante o resto da semana. De vez em quando lá veria um bocadito de sardinha.

Durante a semana, exceto ao domingo iria acordar muito cedo, comer uma côdea de pão e partir para os trabalhos do campo. À noite, era uma sopita e estava na hora de dormir. Ao domingo iria à missa, o único dia em que não se ia ao campo e à tarde iria até à taberna da aldeia conviver com outros homens.  Quando depois da janta me deitasse pensaria “Amanhã já é dia de trabalho”.

O que  me causaria mais impressão seria o cheiro horrível das pessoas pois a higiene seria muito pouca.

 

Diogo Gomes, nº4, 6ºE

Categories: Portugal na 2ª metade do séc. XIX | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: